BRAQUIALGIA (DOR NO BRAÇO)

A braquialgia é uma síndrome dolorosa em uma ou ambas as extremidades superiores (braços). Quase sempre começa na coluna cervical e também afeta o pescoço, ombros e parte superior das costas. É também chamado braquialgia cervical.

CAUSAS

A causa mais comum de braquialgia é uma hérnia de disco em um dos discos da coluna cervical, geralmente entre as 5, 6 e 7. ou 8 vértebras cervicais ou alterações articulares entre elas. Nos idosos, geralmente ocorre uma diminuição nos espaços intervertebrais devido à degeneração do disco entre as vértebras ou artrite da coluna vertebral e a presença de osteófitos (formações ósseas que se desenvolvem na coluna vertebral e são popularmente conhecidas como “bicos de papagaio”. As causas da braquialgia são geralmente benignas, mas pode haver tumores ósseos raros na coluna cervical que comprimem as raízes nervosas e causam dor.

SINTOMAS

Dor intensa é mais comum em um braço, mas pode ser menos comum em ambos os braços. Dependendo da natureza e extensão do problema, dormência, fadiga muscular, folga, fasciculação, diminuição da sensibilidade tátil, perda de força e reflexo, má coordenação muscular, dor nas mãos e, em alguns casos, sintomas concomitantes podem ocorrer. Ainda pode apresentar dor no pescoço e parte superior das costas. Nos casos mais graves e persistentes, pode ocorrer atrofia muscular com força reduzida. A maioria das dores será apenas de um membro, a menos que a coluna cervical seja mais afetada. O início da dor pode ser abrupto ou lento e progressivo, mas atinge seu máximo em horas ou dias e pode ocorrer após movimentos repentinos ou inesperados.

DIAGNÓSTICO

A braquialgia é diagnosticada pelo histórico médico do paciente, exame físico e imagem da coluna cervical como, por exemplo, radiografia, tomografia computadorizada ou ressonância magnética.

TRATAMENTO

O tratamento da braquialgia depende de suas causas. No entanto, o tratamento sintomático deve incluir períodos de descanso, medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos, fisioterapia e, possivelmente, cirurgia. O descanso não precisa necessariamente estar na cama, o que geralmente agrava a dor.

PREVENÇÃO

  • Sempre tente manter uma postura correta. Por exemplo, tente manter sua cabeça erguida em tarefas como trabalhar no computador;
  • Tente manter os ombros relaxados;
  • Tente não dormir com travesseiros muito altos ou muito baixos;
  • Se você precisar executar tarefas que predispõem à braquialgia, procure fisioterapia preventiva.

É importante sempre consultar um especialista em coluna para diagnóstico e tratamento dessa patologia.

Dr. Alexandre Moulin, Médico Ortopedista com especialização em Cirurgia Coluna, Tratamento da Dor e Medicina Regenerativa, membro do corpo clínico dos hospitais: AACD, Hospital Sírio Libanês, Hospital São Luiz, Hospital Leforte, Cristóvão da Gama, BR Surgery. É Membro Titular da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT). Membro Titular da Sociedade Brasileira de Coluna (SBC). Membro da Sociedade Brasileira de Ozonioterapia Médica (SOBOM). Membro da North America Spine Society (NASS).

Agende sua consulta agora mesmo !

Rua das Esmeraldas, 176, 2º Andar
Bairro Jardim
Santo André/SP

Este site segue os princípios da resolução do CFM 1974/2011 e do código de conduta Web de medicina e saúde. A informação é oferecida com propósito de educação e informação, não necessariamente são técnicas praticadas na Clínica. Não substitui opinião médica em atendimento formal. Se você tem qualquer problema de saúde, contate seu médico ou profissional de saúde. O objetivo do ato médico, como em toda a prática médica, constitui-se da obrigação de meio e não de fim ou resultado. Todas as informações e textos são produzidos por médicos da Clínica. Fotos são meramente ilustrativas. Direitos são reservados. A publicação e redistribuição de qualquer conteúdo é proibida sem prévio consentimento”

Open chat
Como podemos te ajudar?